Nuvem de pontos e Modelo 3D

Outros resultados gerados na Mappa a partir de um processamento de imagens de drones são a Nuvem de Pontos e o Modelo 3D, velhos conhecidos de topógrafos e engenheiros. Na Mappa, a Nuvem de Pontos pode ser gerada em versões simplificada e densificada a partir de qualquer configuração de processamento com câmera RGB. É a partir da Nuvem de Pontos que a Mappa gera o Modelo 3D.

O que é a nuvem de pontos? #

A nuvem de pontos é, literalmente, um “amontoado” de pontos que, juntos, são capazes de representar áreas e estruturas. Ela é extraída do Modelo Digital de Superfície (DSM) e a partir dela você obtém as cotas de altimetria da área mapeada, onde cada um desses pontos possui uma coordenada X, Y Z, o que permite georreferenciar o mapa após processado. Esses pontos são obtidos através da geotag das imagens feitas pelo drone. No mapeamento com drones, o uso mais comum da nuvem de pontos se dá nos levantamentos topográficos.

Depois de finalizado o processamento de imagens de drone, a Nuvem de Pontos fica disponível para download nas versões simplificada e densificada.

 

Modelo 3D #

Utilizando a Nuvem de Pontos como base, o Modelo 3D é o último resultado de um processamento de imagens de drone feito na Mappa. Ele é criado a partir da renderização da Nuvem de Pontos densificada, representando a área em um modelo visual 3D que pode ser acessado online na plataforma. Ele também fica disponível para download e pode ser manipulado em softwares como Cinema 4D, Global Mapper, Revit e Wavefront.

Para acessar o Modelo 3D online, entre na visualização do mapa dentro da plataforma. No canto inferior esquerdo, clique no botão “3D” para alternar o modo de visualização. A tela pode demorar para carregar na primeira vez, dependendo da velocidade da sua internet e do tamanho do mapa.

 

Ainda não é assinante? Solicite o seu trial gratuito!

ANTERIOR: Modelos Digitais de Terreno e Superfície – MDT e MDS

PRÓXIMO: Curvas de Nível